Chocolate amargo: como escolher as melhores opções

download

Chocolate amargo faz bem à saúde. De quem? Qualquer um? Não!
Observe no rótulo do seu chocolate:
* O primeiro ou o segundo ingrediente nunca deve ser açúcar. O açúcar deve ser o terceiro ingrediente da lista ou estar ausente
* Não deve conter gordura TRANS (gordura anidra de leite, gordura vegetal, gordura vegetal hidrogenada), gordura de palma ou gordura interesterificada
* Se for orgânico, melhor! Os grãos de cacau contém muito chumbo, um metal pesado extremamente maléfico para o organismo
* Ter, no mínimo, 50% de cacau
* Lembrando: achocolatado é muito açúcar e pouco cacau; chocolate em pó já tem um pouco mais de cacau; o cacau em pó é isento de açúcar – a maioria dos estudos científicos são realizados com cacau em pó.
Vale lembrar que o cacau – este, com todos os requisitos acima! – é um alimento riquíssimo em antioxidantes, melhorando o funcionamento do fígado, do pâncreas e auxiliando a circulação sanguínea, além de auxiliar no aumento dos níveis de serotonina. Entretanto, existem muitos casos de hipersensibilidade alimentar tardia à cacau! Consulte um nutricionista funcional e avalie sua individualidade bioquímica sempre.

Com carinho,

 

Letícia Klempous